ÚLTIMAS POSTAGENS

quarta-feira, 2 de dezembro de 2009

Pe. Fábio de Melo e o tratamento das doenças psicossomáticas

É fácil achar por ai na blogsfera, ou em sites, ‘avaliações’ do Pe. Fábio de Melo como Padre, cantor, ou compositor. O que vou apresentar aqui é algo que descobri recentemente: como suas músicas ajudam pessoas com problemas psicossomáticos.

Recentemente, a música tem sido recomendada as pessoas que possuem algum tipo de doença física, ou psíquica, ligadas às emoções, são as chamadas doenças psicossomáticas. Se você tem rinite, sinusite, dores de ouvido, problemas reumáticos, dores lombares, tonturas, fragilidade nos joelhos e dores de garganta, preste mais atenção às suas emoções e sentimentos. Dando uma definição ao termo, temos: a palavra psicossomática, na visão dos profissionais de saúde que compreendem o ser humano de forma integral, não pode ser compreendida como um adjetivo para alguns tipos de sintomas, pois tanto a medicina quanto a psicologia estão percebendo que não existe separação entre mente, corpo, alma e espírito que transitam nos contextos sociais, familiares, profissionais e relacionais. Então, psicossomática é uma palavra substantiva que pode ser empregada para qualquer tipo de sintoma, seja ele físico, emocional, psíquico, espiritual, profissional, relacional, comportamental, social ou familiar.

 

Em seu livro "Quem me roubou de mim?", da editora Canção Nova, Pe. Fábio de Melo afirma que o indivíduo deve ter autonomia sobre si mesmo, isto é, ele deve estar em equilíbrio com as suas emoções. Um estado emocional faz com que as pessoas tenham determinados comportamentos diante de certas situações. Pessoas que controlam as emoções vivem em sintonia com o ambiente e com a vida. Já as pessoas com problemas emocionais apresentam comportamentos considerados inadequados. As reações do corpo, ou seja, as emoções ocorrem de duas formas. A primeira delas age nos músculos, coloca o ser humano em movimento. A segunda desencadeando reações em fatores psicoafetivos de acordo com o manejo das emoções, dos traumas e dos sentimentos.

Falando agora sobre as músicas, muito me chamou à atenção a música ‘Contrários’, que expressa exatamente aquilo que cada ser humano possui: contrariedades. Esta música mostra bem como não sufocarmos as emoções como traumas, rejeição, culpa, abandono, mas sim como as compreender e supera-las. Uma outra música é a música ‘Vida’, que é de autoria do Fábio Júnior. Essa música retrata perfeitamente como agir para alcançar esta ‘vida’, mas vida de fato. Quantas pessoas quando estão à procura da felicidade não se atiram em uma ‘ verdade nova, uma aventura’? Ou simplesmente já não conseguem enxergar a vida como um bem e levam o dia a dia com um peso emocional tão grande que vão ‘morrendo’ pouco a pouco. Como vimos todas essas manifestações sentimentais acarretam numa manifestação física, por isso que os casos de câncer benignos crescem todo ano.

Estudando a autobiografia manuscritas de 180 freiras católicas (Danner, 2001), pode ser possível estabelecer uma associação boa fortemente estabelecida entre o índice emocional positivo e a longevidade. Foram considerados relatos de emoção positiva aqueles com maior quantidade de palavras ligadas a sentimentos agradáveis, tais como "felicidade", "amor", "alegria", "generosidade" e "esperança".

Além de esse grupo ser em média de 6 a 10 anos mais longevo, as freiras positivas haviam chegado com mais saúde à velhice do que as que costumavam usar grande número expressões com significados negativos, do tipo "tristeza", "indecisão", "medo", "pecado" e "vergonha". O grupo considerado com índice emocional positivo exibiu ainda, menor grau de demência senil.

Vemos aí um fator positivo no trabalho do Pe. Fábio., que já é ovacionado por suas letras profundas. Então, fica a dica: ouça as músicas do Pe. Fábio de Melo, viva bem e com muita saúde.

2 comentários:

  1. Caro Junior, Laudetur Dominus!

    Quer dizer que além de ser um PADRE lindo, de ser o PADRE de R$ 9,90, o PADRE Melo também é Multi-uso??? Será que ele também é "recomendado pelos dentistas"???

    Hehehehehe

    Pax et Salutis

    ResponderExcluir
  2. Caro Captare, Salve Maria!

    Hehehe, bom,para alguma coisa [boa] ele deve servir né? Há muito tempo os leitores vêm pedindo um artigo sobre os pontos 'positivos' do Padre Fala de Mel, quer dizer, Fábio de Melo. Depois de uma conversa com uma psicóloga - muito do que foi dito aqui ele que me falou, pois não sou da área-, descobri que o bom CANTOR que ele é, traz um benefício para as pessoas.

    Mas, isto nada tem a ver com o papel de Padre dele.

    Paz e Salutis!

    ResponderExcluir

Apostolado Shemá
Seja nosso parceiro. Cole o código em seu blog.

VISITE TAMBÉM