ÚLTIMAS POSTAGENS

terça-feira, 17 de novembro de 2009

Teoria do Big Bang.




Duas coisas na teoria do big bang são interessantes e pouco conhecidas do público.
A primeira é que o nome Big Bang tenha sido dado a esta teoria para ridiculariza-la. Nome este dado pelo astrofísico Fred Hoyle, que acreditava em um universo estacionário.
A segunda é o fato de a teoria ter sido concebida por um Padre belga. Padre Georges Lemaíte (1894-1966). Houve outro homem, chamado Alexander Friedman que, ates de Lemaíte, também desenvolvia a ideia de um universo em expansão, mas ele morreu tão logo iniciou seu trabalho, e então, independentemente das ideias de Friedman, Lemaíte desenvolveu e apresentou suas ideia a comunidade científica da época.

Pe. Lemaíte teve dificuldades em ver seu modelo aceito frente a comunidade científica, e entre os que não a aceitavam estava ninguém menos que Albert Einstein.
Einstein afirmou sobre o trabalho do Pe. Lemaíte: ¨ seus cálculos estão corretos, mas seu conhecimento de Física é abominável¨.

Porém em 1929 o americano Edwin Hubble (Astrofísico) provou empiricamente que as galaxias estavam afastando-se umas das outras.
Esta prova foi cabal pra a teoria, e Einstein rendeu-se ao Pe. Lemaíte. Depois, juntos, realizaram várias palestras.

Em 1936 o Papa Pio XI indicou o Padre para a Pontifícia Academia de Ciências e em 1960 o Papa João XXIII deu-lhe o título de monsenhor.

Um sacerdote desenvolveu, dentro do seio da Igreja, a teoria do Big Bang mostrando que esta, diferente do pensamento pregado universidades a fora, não foge a ideia de um ser criador.
O Big Bang só pode ordenar, ao invés de desordenar, se considerarmos algo que o controle.

Fontes:
www.cleofas.com.br
Alexandre Zabot (Físico, Mestre e doutorado em Astrofísica)

2 comentários:

  1. O legal é que antes os ateus acreditavam num universo infinito que existiu desde sempre. Enquanto os religiosos acreditavam num universo finito que foi criado.

    Essa é boa praqueles ateus que acham que "ateísmo"="ciência" e "religião"="atraso".

    Hoje em dia os ateus levantam a bandeira do Big Bang como se fosse uma grande arma contra a religião. Veja que patético.

    O mesmo se dá atualmente com a teoria do multiverso. Os religiosos sempre souberam que Deus é maior que o Universo, e se quisesse ter feito outro(s) universo(s) poderia muito bem ter feito, enquanto os ateus, por serem materialistas, diziam o oposto(que só existe esse universo).
    Agora os ateus pularam pro lado de lá e estão falando de multiverso como se fosse ataque à religião.

    Esses são dois exemplos que eu conheço. Um historiador da ciência com certeza poderia citar mais.

    ResponderExcluir
  2. muito interessaste essa teoria....mas falando apesar de tudo o universo e misterioso....

    ResponderExcluir

Apostolado Shemá
Seja nosso parceiro. Cole o código em seu blog.

VISITE TAMBÉM